Deus precisa aparecer na minha vida
Diversos

Uma declaração do primo de Jesus, João Batista, me chamou muito atenção, é necessário que Ele cresça para que eu diminua, João Batista lhe impôs um limite, pois sabia ele que haveria motivos para se orgulhar, porém também tinha consciência de que era somente e tão somente um instrumento nas mãos de Deus com uma missão de vida proposta.

Com certeza havia no coração de João batista um forte desejo de realizar a vontade de Deus, assim como há no meu e creio também que há no seu. Em toda atividade que nos propomos realizar somos impulsionados pelo que nos motiva. Não sei se é o seu caso, mais já viu aquela pessoa que trabalha em algo que não gosta esta sempre mal humorada reclamando de tudo, acordar pela manhã para ir trabalhar é um sacrifício, o caminho de casa para o trabalho é uma verdadeira via cruzes, a única motivação é o salário que lhe é pago ao final do mês, é comum nos sentirmos motivados quando ao final de algum esforço ou realização de atividade prazerosa ou não, sermos recompensados e é exatamente neste ponto que eu quero chamar sua atenção.



O que nos motiva a realizar a obra de Deus é o recebimento de uma benção, ou a retribuição por tudo aquilo que Ele já fez por nós.

Conceitos certos nos fazem caminhar por caminhos certos e a obter nossos objetivos, conceitos errados nos levam a caminhos errados, por esta questão faz-se necessário entender que quando nos lançamos para fazer a obra de Deus o que nos impulsiona é um sentimento de retribuição que vemos claramente nas declarações do apóstolo Paulo.

Porque o amor de Cristo nos constrange, julgando nós assim: que, se um morreu por todos, logo todos morreram.IICo 5.14

Porque Cristo enviou-me, não para batizar, mas para evangelizar; não em sabedoria de palavras, para que a cruz de Cristo se não faça vã.I Co 1.17.

Quando a nossa motivação esta baseada em uma tentativa de retribuição aos benefícios de Deus em prol da nossa vida, e esta gera um ato de proclamação da palavra da verdade que um dia mudou a sua vida chegue até outra vida proporcionando a esta a oportunidade de mudança, Deus realmente esta aparecendo em minha vida, e o serviço cristão não corre o risco de ser feito meramente por um formalismo ou entusiasticamente por um ativismo.

A minha posição diante dos homens não pode mudar a minha posição diante de Deus.

A palavra que mais proclamamos em orações e louvores quando nos dirigimos a Deus é Senhor, porém as nossas atitudes em algumas situações não nos qualificam a uma posição de servo, e foi para esta posição que fomos chamados.

Em João 13.7, Jesus o mestre dos mestres que já havia caminhado com seus discípulos por três anos e meio, pega uma bacia e começa a lavar os pés de seus discípulos posição esta de servo, em outro momento Jesus diz a seus discípulos que no reino dos céus o maior é aquele que serve, é um princípio no reino de Deus que não tem que ser observado, mas sim vivido integralmente.

É notório que a igreja necessita de pastores, presbíteros, diáconos, professores de escola dominical, etc. E Deus tem capacitado homens e mulheres que tem exercido com excelência seus ministérios. Ministério este que querendo ou não confere a estas pessoas uma notoriedade perante a igreja, esta situação se não for tratada com a maturidade devida poderá trazer inúmeros problemas, pois ao assumir uma posição diferente diante dos homens devido à nomenclatura e atividade de um determinado cargo.

Agora a posição diante dos homens mudou junto a esta mudança novas atividades são atribuídas, porém as atitudes deverão continuar sendo a mesma, ou seja, servir como o bom mordomo fiel que Jesus espera encontrar quando voltar para buscar a sua igreja.

Para Deus continuar aparecendo em nossas vidas é necessário que nunca esqueçamos que antes de qualquer cargo ou atividade fomos chamados para ser servos, pois o próprio Jesus declarou que não veio para ser servido, mas veio para servir.

É um imperativo fomos chamados para fazer a obra de Deus, a grande questão é como fazê-lo.

Quem não gosta de um elogio, quem não gosta de receber respostas sobre o trabalho que esta executando ou que executou um louvor bem cantado, uma peça bem produzida, um sermão que foi marcante para uma pessoa, todo mundo gosta de participar de campanhas vitoriosas, creio que não há nada demais nisso, porém o que me preocupa é o fato de pessoas valorizarem mais o ministério visível, pois é este que gera este reconhecimento e assim comece a negligenciar na parte invisível, quero dizer você e Deus, isto é, sua vida devocional.

Não é somente fazer parte de uma igreja, trabalhar em um, dois ou três ministérios que vai dizer que estamos fazendo bem a obra de Deus, porém isto acontece quando eu consigo realizar todas as minhas funções dentro da igreja no que tange a parte operacional, mais também observo a minha vida de oração diária e leitura da palavra, pois como materialmente se não houver uma alimentação regular é aberto um precedente para que doenças nos acometam, assim também o é na vida espiritual.

Em cada projeto que nos propormos a realizar como igreja de Cristo aqui na Terra, partimos do seguinte pressuposto Deus nos justificou, resgatou e capacitou para realizar a sua obra cada fruto colhido é somente e exclusivamente para a sua glória, cabendo a cada um de nós o enorme privilégio de ter o poder de Deus instrumentalizado em nossas vidas.

É necessário entender que Deus aparece quando eu diminuo, o ego tem atrapalhado muita gente boa de oferecer o melhor para Deus. Não podemos ficar sentados no banco sem fazer nada, pois Deus tem investido em nossas vidas para que geremos frutos, porém quando nos tornamos membros ativos do corpo de Cristo, isto é, devemos observar a maneira como estamos conduzindo a nossa vida para que haja um equilíbrio entre as atividades operacionais e administrativas e a vida espiritual.

Certa vez Jesus encontrou uma mulher samaritana a beira de um poço, e lhe disse se o aceitasse fluiria em seu interior uma fonte de água viva que nunca mais teria sede, mais a frente encontramos em atos o derramamento do Espírito Santo no dia de pentecoste podemos então ver o primeiro grande evento da igreja onde Pedro pregou e 3000 homens se converteram, fruto da fonte que descia do trono de Deus sobre a vida de Pedro, este é o segredo tudo que eu me propor a realizar primeiramente precisarei esta revestido do poder de Deus, bebendo da fonte que jorra do trono de sua glória, assim Deus aparecerá de forma abundante em nossas vidas e com certeza outras vidas serão impactadas e o propósito do Senhor irá se cumprir em nossa vida.

{mospagebreak}

Precisamos entender que estamos em um processo de transformação continuo, e assim o fazemos por entender que estmaos subjugados a uma missão.

Quando lemos os evangelhos encontramos vários encontros de Jesus, e é interessante que todas as pessoas que se permitiram ser tocadas ou aceitaram suas propostas tiveram suas vidas transformadas.

“Aquele que começou a boa obra é fiel e justo para aperfeiçoar até o dia de Jesus Cristo” Fp 1.6

Conversão significa mudança de posição, uma pessoa que andava na direção oposta a Deus, agora se vira na direção do Senhor, porém a toda uma caminhada para se chegar até Deus, com certeza durante esta caminhada haverá a necessidade da promoção de algumas mudanças, como diz em Romanos 12.2 “que a transformação é promovida pela renovação do entendimento mediante a apresentação do nosso corpo como sacrifício vivo em um culto racional”. Não é uma experiência sobrenatural, não é um sinal vindo do céu que irá dizer o que precisa ser mudado, porém no momento que você presta um culto racional a Deus, através do seu intelecto há um entendimento da necessidade de mudança.

“Eis que estou à porta e bato, se alguém ouvir a minha voz e abrir a porta entrarei em sua casa cearei com ele e ele comigo” Ap 3.20. Somente desta atitude é o que precisamos para que Deus apareça de forma abundante em nossas vidas, isto é, abrindo a porta e dizendo a Deus pode entrar e promover as mudanças necessárias.

Jesus certa vez foi procurado por um homem chamado Nicodemos (Jo 3), e este reconheceu o ministério de Jesus pelos frutos que vira, e Jesus disse para ele, se ele quisesse entrar no reino de Deus era necessário nascer de novo. Jesus aqui neste texto nos deixou um princípio a ser observado que é necessário nascer de novo, pois os valores e princípios humanos tendem a ser completamente diferentes dos princípios de Deus, sendo assim, somente um novo nascimento pode estabelecer a observação e prática dos princípios e valores de Deus, pois agora o nascimento não é mais na carne, mas sim do Espírito e este que pode possibilitar tal mudança.

Precisamos entender que somos como um barro na mão do oleiro, ou seja, somos moldados por ele, porém observo crescer no meio cristão um evangelho segundo Caim, que se caracteriza por uma postura onde o evangelho que tem que se amoldar a pessoa. Quando aceito as propostas de Deus para minha vida e as coloco em prática mesmo que seja confrontado, Deus começa aparecer de forma abundante em minha vida.

Ficai em Jerusalém até que do alto sejais revestidos do poder de Deus, e serão minhas testemunhas (At 1.8), temos uma missão testemunhar a outras pessoas sobre este evangelho que nos alcançou e mudou as nossas vidas para melhor, não a maior pregação do que evidências claras de transformação onde a nossa natureza humana decaída e substituída por uma vida cheia do Espírito Santo e assim receber o status de morada do Altíssimo.

Conclusão

Quando pensamos qual é a nossa posição no reino de Deus. A única resposta encontrada deverá ser servos.

Entender que as nossas atitudes devem engrandecer a Deus é buscar viver uma vida de renúncia ao nosso ego e de controle ao nosso temperamento para que Deus possa aparecer cada vez mais de forma abundante.

Renato dos Santos Tolissano

Última atualização em Qui, 12 de Novembro de 2009 16:40
 

Comentários  

 
0 #3 thamyires 11-05-2011 14:52
:D numm era bemm o q prescisava mais servioo bastante valwe pessoal por postar issoo aii
Citar
 
 
0 #2 Paulo Cirqueira 19-03-2011 14:39
:lol:

:lol:

Amado irmão !
Que a Paz do Senhor esteja contigo !

Muito edificante o seu texto.
Deus seja louvado, por nos capacitar para falar de Seu imenso amor !

Desejo que cada vez mais você possa se permitir ser usado por Deus, e continuar sendo um servo fiel.

Que o Senhor Jesus te abençoe !

:D
Citar
 
 
0 #1 Lívia Pacheco 22-10-2010 14:11
:roll:
Muito abençoada essa palavra...
Estava pensando a respeito disso ontem a noite, e é essa palavra veio de encontro ao meu coração. Deus é maravilhoso!
Deus abençoe!
Citar
 

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar

Página do Portal Nova Vida no FacebookTwitter Portal Nova VidaComunidade do Portal Nova VidaRSS

Portal Nova Vida Site oficial do Conselho de Ministros das Igrejas de Nova Vida do Brasil · Produzido pela W3 Interativa